Foi divulgado pela Receita Federal, em março, o cronograma dos lotes de restituição de IRPF referente ao exercício de 2018, data-base 2017. De acordo com o Ato Declaratório publicado no Diário Oficial da União, a restituição será feita em sete lotes entre os períodos de junho a dezembro de 2018. Confira a tabela abaixo com o cronograma dos lotes de restituição.

Lotes de Restituição de IRPF

Ordem de restituição do imposto de renda

Conforme declarado pela Receita Federal, a ordem de liberação dos lotes de restituição de IRPF serão realizadas conforme alguns critérios. Conforme, por exemplo:

  • A ordem de entrega da declaração de IRPF.
  • Prioridade aos contribuintes com idade igual ou superior a 60 anos.
  • Prioridade especial aos maiores de 80 anos.
  • Contribuinte deficiente físico ou mental.
  • Os portadores de moléstias graves.
  • Contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério (ensino).

Além disso, leia também: Restituição do Imposto de Renda.

Cronograma – lotes de restituição de IRPF

De acordo com o cronograma, os lotes de restituição serão nas seguintes datas: 15 de junho, 16 de julho, 15 de agosto, 17 de setembro, 15 de outubro, 16 de novembro e 17 de dezembro de 2018. Então, confira a tabela a seguir.

Lote Data Remuneração Selic
Declarações
transmitidas até*
15/06/2018 1,52% Prioridades
16/07/2018 2,04% 18/03/2018
15/08/2018 2,58% 12/04/2018
17/09/2018 3,15% 24/04/2018
15/10/2018 3,62% 28/04/2018
16/11/2018 Não divulgada
17/12/2018 Não divulgada

*Datas válidas para declarações já processadas e sem pendência.

Informações, inconsistências e malha fina

Caso a declaração seja processada e se verifique inconsistências no dados, o contribuinte vai para malha fina.  Nessa caso, o contribuinte tem uma segunda chance e pode corrigir os erros com uma declaração retificadora. Para saber o status da sua declaração, acesse o site da Receita Federal, ligue 146 – Receitafone ou baixe o aplicativo IR sem Erro. Oferecemos um acompanhamento diário sobre o status da sua declaração de IRPF e informamos você. Além disso, você pode acompanhar a liberação dos lotes de restituição de IRPF diretamente pelo app.

Além disso, lembramos que a restituição fica disponível no banco pelo período de um ano. Não havendo o resgate nesse tempo, o contribuinte terá de realizar um pedido de liberação da restituição por meio da internet. Para isso, é disponibilizado pela Receita o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição. Ou ainda diretamente no e-CAC, através deste link: Extrato do Processamento da DIRPF.

No caso do valor não ser creditado no período de 12 meses, o contribuinte tem a opção de contatar diretamente uma  agência do Banco do Brasil. Além disso, é possível ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone. Assim, o contribuinte consegue agendar o crédito em conta, seja corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Fique à vontade para conhecer nossos recursos e juntar-se a nós quando quiser. O aplicativo do IR sem Erro está disponível nas versões Android | iOS.


Diana Hada

Bacharel de Publicidade e Propaganda, com qualificação técnica em Assistente de Atendimento, Planejamento, Criação e Produção Publicitária no Centro Universitário Senac. Especialista em Inbound Marketing e Produção de Conteúdo para Web pela Rock Content; certificada em Redes Sociais pela Unieducar e em Comunicação Integrada de Marketing pela ESPM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *