A consulta imposto de renda foi liberada pela Receita Federal no dia 14 de janeiro. Com isso, o contribuinte pode realizar a consulta da restituição sobre a declaração de IRPF prestada entre 2008 e 2018.

Além disso, hoje, dia 15 de fevereiro, será pago o valor da restituição residual para contribuintes que caíram na malha fina e já regularizaram sua situação. Neste caso, o dinheiro será depositado na conta bancária indicada pelo contribuinte ao fazer a DIRPF.

De acordo com o artigo publicado hoje na Economia UOL:

Ao todo, 142.698 contribuintes receberão o crédito em suas contas, totalizando mais de R$ 401 milhões em restituições. 

Então, continue a leitura para descobrir como fazer a consulta imposto de renda corretamente e o que fazer se o valor não for creditado. Confira!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Restituição lote residual

Os valores são pagos com correção pela taxa básica de juros da economia, a Selic. Para as devoluções referentes a 2018, o percentual será de 5,14%. Para as restituições de 2008, o índice será de 107,80%.

Veja os valores da correção da taxa Selic na tabela abaixo para o lote de restituição multiexercício do IRPF de janeiro de 2019:

Tabela de lote de restituição multiexercício do IRPF

Ano de exercício N° de contribuintes Valor em (R$) Correção Selic (%)
2018 153.384 401.725.144,15 5,14% (maio de 2018 a janeiro de 2019)
2017 57.995 138.936.073,22 12,97% (maio de 2017 a janeiro de 2019)
2016 28.666 76.021.606,43 25,69% (maio de 2016 a janeiro de 2019)
2015 15.962 46.410.772,41 38,76% (maio de 2015 a janeiro de 2019)
2014 110 758.155,63 49,68% (maio de 2014 a janeiro de 2019)
2013 498 1.627.911,22 58,58% (maio de 2013 a janeiro de 2019)
2012 188 664.061,57 65,83% (maio de 2012 a janeiro de 2019)
2011 124 380.682,20 76,58% (maio de 2011 a janeiro de 2019)
2010 85 557.151,73 86,73% (maio de 2010 a janeiro de 2019)
2009 58 161.693,29 95,19% (maio de 2019 a janeiro de 2019)
2008 24 66.748,15 107,26% (maio de 2008 a janeiro de 2019)

Consulta restituição imposto de renda

Para verificar a liberação da declaração, o contribuinte conta com algumas opções de consulta, por exemplo:

Além disso, através do serviço e-CAC da Receita, o contribuinte tem acesso ao extrato da declaração. Nele, constam informações sobre possíveis inconsistências de dados analisados pelo sistema da RFB.

Neste caso, o próximo passo do contribuinte deve ser rever as informações prestadas na declaração de imposto de renda, corrigir as inconsistências através da declaração retificadora.

Por sua vez, o valor da restituição permanece disponível ao contribuinte no banco pelo período de um ano. Entretanto, não havendo o resgate da restituição, será necessário fazer um requerimento no Portal da Receita Federal.

Assim, o requerimento pode ser feita pela internet, no site da RFB. Basta preencher o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição. Ou ainda, diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Consulta Imposto de Renda

Imposto de renda consulta

Caso a consulta imposto de renda seja ineficaz e o valor não seja creditado, o contribuinte tem algumas opções para reaver o valor da restituição. Por exemplo:

  • contatar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil;
  • ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Essas são as opções disponíveis para auxiliar o contribuinte a retificar, verificar e consultar possíveis inconscistência na declaração de IRPF para corrigi-las.

Por fim, deixe seu comentário abaixo e nos diga o que achou desse artigo! Além disso, recomendamos ao contribuintes para otimizar a declaração de IRPF antes da entrega para evitar a malha fina.

Categorias: Restituição

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *