O Brasil tem pouco mais de 1,3 milhões de investidores ativos, as procuras por rendimentos fixos também crescem. Saber como declarar CDB no Imposto de Renda é primordial diante desse cenário, para evitar riscos de malha fina e não perder tempo!

Por isso, veja aqui como declarar CDB no Imposto de Renda pois, mesmo os impostos dessas aplicações já virem descontados, é necessário sim incluir essas informação na sua declaração de ajuste anual. Então leia esse artigo e fique bem informado sobre o assunto.

Boa leitura!

Quem deve declarar Imposto de Renda?

Para a Receita Federal existem alguns critérios para separar os que devem declarar e os que não devem declarar Imposto de Renda. São eles:

  • renda;
  • ganho de capital e operações em bolsa de valores;
  • atividade rural;
  • bens e direitos;
  • condição de residente no Brasil.

Como declarar CDB no Imposto de Renda?

Declarar CDB no Imposto de Renda é algo bem tranquilo, mas temos que nos atentar a duas situações: rendimentos que ainda não foram resgatados e os que foram resgatados ao longo do exercício anterior.

Antes de explicarmos cada situação, precisamos saber: já recebeu seu informe de rendimentos? Se sim, você precisará estar com ele em mãos. Se ainda não recebeu, corre cobrar a investidora, empresa ou

banco.

Declarar CDB não resgatado

  1. abra o programa da Receita Federal
  2. localize a sessão de “bens e direitos”
  3. informe o código 45, que refere-se a “Aplicação de renda fixa (CDB, RDB e outros)”
  4. preencha a localização (país) de onde foi feito o investimento
  5. preencha o CNPJ da empresa ou banco que tem a custódia do seu título
  6. discriminar os dados da empresa ou banco, no caso, colocar o nome
  7. informar a situação do saldo da aplicação em 31/12/2018
  8. informar a situação do saldo da aplicação em 31/12/2019

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Declarar CDB resgatado ao longo do último exercício

  1. abra o programa da Receita Federal
  2. localize a sessão de “Rendimentos Sujeitos à tributação Exclusiva/Definitiva”
  3. informe o código 06, que refere-se a “Rendimentos de aplicações financeiras”
  4. em “tipo de beneficiário” selecione o titular ou dependentes
  5. preencha o CNPJ da empresa ou banco que tem a custódia do seu título
  6. discriminar os dados da empresa ou banco, no caso, colocar o nome
  7. no campo “valor” deverá informar o rendimento deste investimento

Obs: Vale lembrar que, nesses casos, o IR já foi retido na fonte, isto é, foi pago no momento do resgate do título.

Como conferir os lançamentos de CDB no Imposto de Renda?

Para conferir os lançamentos de CDB é necessário ter em mãos o informe de rendimentos, pois lá constam todos os dados. Importante ressaltar que os dados no campo de “valor” e “saldo da aplicação” deve ser cuidadosamente preenchidos, para que você não tenha problemas futuros.

Antes de enviar sua declaração para a Receita, importante conferir todas as informações e se assegurar de que preencheu tudo corretamente. Sabia que o IR Sem Erro pode te ajudar nesse processo? Nossa plataforma te oferece uma ferramenta online de análise do rascunho da sua declaração.

Você submete seu rascunho para análise e fica sabendo aonde estão os riscos de malha fina, indicações de erros e dicas para reduzir imposto, gostou? Então cadastre-se e não corra riscos.


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo protegido :D